;

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Unidos da Tijuca 2010



Desvenda se puder! Unidos da Tijuca traz um enredo repleto de incógnitas na volta de Paulo Barros para trazer o título inédito

* Por Vitor Rangel



Quem não se lembra do incrível carro do DNA, na estréia de Paulo Barros na Unidos da Tijuca, em 2004, onde a escola surpreendeu e, por pouco, não faturou o título de campeã do Grupo Especial? Depois daquele ano, a escola tijucana passou a frequentar mais as primeiras colocações do carnaval carioca. Mesmo com a saída do carnavalesco, em 2007, a Unidos da Tijuca mostrava que a passagem de Paulo Barros significou um divisor de águas no estilo de desfile da escola do Borel. E como o ditado diz que o bom filho à casa torna, Paulo Barros voltou para a escola que o projetou e vem com tudo para buscar o título de campeão do próximo carnaval.

Com um enredo de nome simples "É Segredo", a Unidos da Tijuca vem para o carnaval de 2010 com muitos mistérios e, como são marcados os desfiles de Paulo Barros, grandes surpresas que prometem chamar a atenção na Sapucaí.

O carnavalesco nos conta na sinopse do enredo de 2010, disponível no site da escola (http://www.unidosdatijuca.com.br/), que muitas possibilidades foram estudadas para ser o tema da Unidos da Tijuca em 2010, mas entre as alternativas, algo curioso: Todas tinham em comum algo incompleto, segredos impossíveis de serem revelados.
"Foram muitas pesquisas, estudos, reflexões, textos contendo ideias e informações importantes, de onde acontecimentos e personagens da história da humanidade vinham e iam. Apenas tentativas que não nos levaram a lugar algum. Apesar de escolhermos vários temas, descobrimos que nem sempre é possível revelar na Avenida como tudo aconteceu. Não encontramos explicações que nos proporcionassem o entendimento. Nem sempre esconder pode ser apenas uma divertida e inocente brincadeira", afirma Barros.

A escola fez pesquisas sobre antigas civilizações, algumas que inclusive já foram retratadas em outros carnavais, mas que também sempre deixam uma interrogação em quem estuda detalhadamente a história.
"Livros, mapas, textos, documentos valiosos... E fomos descobrindo que além das tantas histórias já reveladas existiam aquelas que nunca ninguém ousou transformar em carnaval. Talvez porque num passado distante elas deixaram de existir. Viraram cinzas, poeira das grandes batalhas em que só a vitória importa. Custe o que custar."

Foto: Daniel Targeta (O Globo)
Esses "espaços em branco" da história, segundo Paulo Barros, acabam sendo ocupados pelos contos e lendas de quem tem imaginação suficiente para completar (ou, pelo menos, tentar completar) as histórias:
"Essas lacunas devem incomodar a todos aqueles que atravessam um processo de criação baseado na reconstituição histórica, mas alimentam aqueles que se aventuram a criar lendas e, secretamente, preencher esses espaços ocultos."

A Tijuca mostrará que, até mesmo quando se parece que a solução será encontrada e que 100% de uma história será descoberta, surge algo indecifrável mais uma vez, que nos impossibilita de resolver a questão por inteiro. Sempre vai faltar algo... Ou alguém.
"Esses homens não gostariam de ter deixado suas histórias para futuras gerações? Certamente não queriam esconder sua cultura, hábitos, rituais que poderiam hoje estar ilustrando os livros, correndo nas telas dos cinemas, atravessando a Passarela do Samba.
Infelizmente, não tiveram essa escolha. Foram enterrados, incinerados, destruídos. Jamais saberemos sobre suas vidas, seu cotidiano, suas identidades.
Mesmo que quisessem esconder seus segredos, como sempre fizeram os homens de todos os tempos, nunca saberemos o que desejariam ter revelado sobre si mesmos. Nunca? Até agora, não."

O mistério de esconder a verdadeira identidade também aparecerá no desfile tijucano. Super-heróis e vilões. Mocinhos e bandidos. Pessoas do bem e pessoas do mal. Todos acham verdadeiramente excitante a idéia de não apenas criar, mas de ser um segredo.

Os segredos também aparecem na nossa realidade. Tragédias acontecem. Aviões e navios somem da noite para o dia. O desejo de saber a verdade nunca acaba e, diante das especulações, surgem as investigações.

"Então, começam a procurá-los. Criam inúmeras suposições sobre esses sumiços. Quem matou, quem fugiu, por que desapareceu? Onde se escondeu? Surgem histórias estranhas de todo lugar. Muitos acreditam que seres de outros planetas nos visitam para levar pessoas e objetos para estudos. Outros afirmam que extraterrestres já foram capturados e escondidos para pesquisa."

A tecnologia e o mundo virtual são grandes alvos dos segredos e, consequentemente, do desejo de desvendá-los:
"Hoje, a coisa mais fácil é encontrar um sujeito pela Internet. Quebram e clonam suas senhas. Fazem pior: derrubam empresas inteiras descobrindo códigos de acesso, quebrando sistemas de segurança. Esses são sujeitos que ninguém encontra. Nunca se revelam e são capazes de invadir a vida de qualquer um."

O quê o futuro nos revelará? Será que muitos ou todos os segredos da humanidade podem ser desvendados? E se puderem, é melhor que saibamos de toda a realidade ou que continuemos "ignorantes" a respeito dessa ou daquela verdade? Definitivamente, o enredo da Unidos da Tijuca é a cara de quem o idealizou: Misterioso. Paulo Barros tentará trazer o inédito título de campeã do carnaval para a Tijuca com um desfile que promete grandes emoções para os espectadores.

"Se quiser tentar desvendar o que está acontecendo diante de seus olhos, não esqueça de que nem tudo o que se vê é o que parece ser... E se conseguir decifrar o que está por trás, não revele o segredo... Deixe-se levar pelo inesperado e surpreenda-se! No carnaval, você pode descobrir como são mutáveis as certezas que temos sobre o que vemos."

Ouça um trecho do samba-enredo da Tijuca para o ano de 2010:


(Se não aparecer o player, você precisará ter o Adobe Flash Player instalado. Acesse: http://get.adobe.com/br/flashplayer)


Confira a letra do samba do G.R.E.S. Unidos da Tijuca:

Enredo: É SEGREDO!
Autoria: Julio Alves, Marcelo e Totonho

DESVENDAR ESSE MISTÉRIO
É CASO SÉRIO, QUEM SE ARRISCA A PROCURAR
O DESCONHECIDO, NO TEMPO PERDIDO
AQUELE PERGAMINHO MILENAR
SÃO CINZAS NA POEIRA DA MEMÓRIA
E BRINCAM COM A IMAGINAÇÃO
UNIDOS DA TIJUCA, NÃO É SEGREDO EU AMAR VOCÊ
DECIFRAR, ISSO EU NÃO SEI DIZER
SÃO COISAS DO MEU CORAÇÃO

EU QUERO VER ESSE LUGAR
QUE O PRÓPRIO TEMPO ACABOU DE ESQUECER
MEU DEUS, POR ONDE VOU PROCURAR
SERÁ QUE ALGUÉM PODE ME RESPONDE

QUEM SOME NA MULTIDÃO
ESCONDE A SUA VERDADE
IMAGINAÇÃO, O HERÓI JAMAIS REVELA A IDENTIDADE
SERÁ O MASCARADO
NESSE BAILADO UM FOLIÃO?
A SENHA, O SEGREDO DA VIDA
A CHAVE PERDIDA É O “X” DA QUESTÃO
CUIDADO, O QUE SE VÊ PODE NÃO SER... SERÁ?
AO ENTENDER É MELHOR REVELAR
NO SONHO DO MEU CARNAVAL
PARE PRA PENSAR, VAI SE TRANSFORMAR
OU ESCONDER ATÉ O FINAL?

É SEGREDO, NÃO CONTO A NINGUÉM
SOU TIJUCA, VOU ALÉM
O SEU OLHAR, VOU ILUDIR
A TENTAÇÃO É DESCOBRIR




Ficha Técnica:

Presidente - Fernando Horta
Carnavalesco - Paulo Barros
Diretor de Barracão - Paulinho do Ouro
Diretor de Harmonia - Fernando Costa
Diretor de Carnaval - Ricardo Fernandes
Mestre de Bateria - Casa Grande
Intérprete - Bruno Ribas
Comissão de Frente - Rodrigo Negri e Priscila Mota
Mestre Sala e Porta Bandeira - Marquinhos e Giovanna
Rainha da Bateria - Adriane Galisteu

A Unidos da Tijuca será a terceira agremiação a desfilar no domingo de Carnaval, 14 de fevereiro. A previsão é de que a escola entre na Passarela do Samba entre 23h10 e 23h40.


Related Posts with Thumbnails

0 comentários:

FileServe ;